portbygning, slot, bro

Recentemente, o Blog da GVA numerou os dez principais castelos e palácios para se visitar na Dinamarca . Considerado uma das principais atrações do país, o Castelo de Egeskov é uma das construções renascentistas mais bem preservadas da Europa.

Situado na ilha de Funen, os viajantes encontram entre Odense e a pequena Kvaerndrup um grande centro de entretenimento em meio a zona rural. Com mais de 500 anos de história, “Egeskov” significa floresta de carvalho, o nome vem da lenda que diz que foi necessário derrubar uma floresta inteira para conseguir obter os pilares de carvalho suficientes para segurar a estrutura do castelo flutuante no meio de um lago.

Sua construção, feita em 1554 pelo senhor feudal Frands Brockenhuus era propriedade de famílias nobres e que somente no ano de 1980, foi aberto ao público por seu dono, Conde Claus Ahlefeldt-Laurvig-Bille. Após mais uma geração assumir, agora pelo filho, também conde, Michael Ahlefeldt-Laurvig-Bille, houveram algumas mudanças significativas para o funcionamento de Egeskov como atrativo turístico.

Mergulhador, Michael explorou o fundo do fosso que cerca o castelo e criou um museu apenas com os utensílios domésticos que encontrou submerso. O excêntrico conde também realizou algumas obras em seu terreno, para que não fosse apenas mais um castelo. Na parte externa, há opções para visitar como os museus que abrigam carros antigos, motos, caminhões, aviões e também três labirintos abertos ao público. Há também diversos jardins espalhados por toda extensão da propriedade, com bosques usados para práticas de arvorismo, com pontes de mais de 100 metros e alturas que variam entre 10 e 15 metros.

Dentro do castelo, a visita percorre por salões decorados de formas bem distintas. Com salas temáticas, cada uma é um universo diferente mas ao mesmo tempo, interligadas. A primeira sala a ser visitada, é a sala da caça, com alguns animais empalhados distribuídos nas paredes. Outras salas refletem a vida de um conde dentro de um castelo, refinadas e com sofisticação.

Algo interessante, no sótão, os brinquedos de “verdade” ganham espaço. Uma mostra de brinquedos antigos que eram feitos manualmente por pessoas. Há também uma lenda entres esses brinquedos. O “homem de madeira”, escultura de um ser humano talhada em madeira, não pode ser retirado de seu lugar original, pois se acontecer, o castelo de Egeskov sucumbirá na noite de Natal. Este mito conta até que alguns operários durante uma reforma moveram a tal escultura e durante dois dias inteiros, era possível ouvir estalos, que somente pararam quando a estátua foi devolvida ao seu local.

Castelo de Egeskov e suas lendas

Post navigation


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *