tivolidinamarca

 

Enquanto o Brasil não havia completado nem um século de vida, os dinamarqueses já estavam se desenvolvendo e construindo os primeiros centros de entretenimento.

Isso porque em Klampenborg, que fica cerca de oito quilômetros de Copenhague, surgiu o primeiro parque de diversões do mundo, o Dyrehavsbakken, mais conhecido por lá como Bakken.

A história do Bakken começa no ano de 1583, quando uma mulher descobriu uma fonte de água cristalina no parque Dyrehaven. Na época, a água era considerada “rara e terapêutica”. Com isso, um multidão começou a visitar este local, pessoas ricas, pobres, comerciantes, ambulantes e artistas. O local virou uma atração no período.

Sendo lá uma área de caça da realeza, houve alguns problemas e o fecharam ao público. Até que em 1669, o Rei Frederico III criou um parque de animais no local e depois, Christian V quadruplicou o tamanho do parque quando se tornou rei em 1670.

O Bakken conta com cinco montanhas russas, sendo Rutschebanen a mais famosa delas, feita toda em madeira e que funciona desde 1932.

O Bakken fica aberto na temporada de verão da Dinamarca, de abril até setembro e tem fácil acesso direto da estação central de trem de Klampenborg.

tivolidinamarca

O então considerado mais antigo parque do mundo, no entanto, não é o mais concorrido parque no país escandinavo, isso porque, na capital Copenhague, o parque Tivoli Gardens atrai cerca de quatro milhões de visitantes por ano.

Criado em 1843, o Tivoli Garden é famoso internacionalmente por servir de inspiração para Walter Disney criar seu parque nos Estados Unidos. Dizem que Walter passeou pelo Tivoli diversas vezes, admirando e estudando para anos depois construir a Disneyland Park.

Idealizado pelo então rei dinamarquês Christian VIII e então realizado por Georg Carstensen, o Tivoli foi criado para que a população tivesse um momento de lazer, para não precisar pensar em política.

Além de parque de diversões com a montanha russa de madeira mais antiga do mundo em funcionamento e também o carrosel (The Star Flyer) mais alto do mundo, alcançando uma altura de 80 metros, o Tivoli também é palco de diversas atrações culturais, como shows e espetáculos teatrais, como no espaço Teatro Chinês, em sua imensa área verde.

No parque, há diversos restaurantes, bares e lojas. Sendo também um ponto de parada para os que não querem aventura nos brinquedos. O parque conta também com um hotel boutique, o Nimb Hotel.

Uma excelente característica é que o Tivoli fica muito perto de diversos pontos turísticos da capital, de frente para a estação central de trem de Copenhague e em qualquer ponto da cidade há ônibus em direção ao parque. O famoso porto de Nyhvan fica 30 minutos de caminhada do parque.

Com atrações para todas as idades e todos os gostos, as crianças tem brinquedos e espaços reservados. Para os casais, o anoitecer é algo bem romântico, pois mais de 100 mil luzes se acendem nas árvores e calçadas, transformando o ambiente de parque para algo mais elegante. Para os aventureiros, há os brinquedos do parque e para os mais bucólicos, é possível caminhar e fazer piqueniques nos jardins.

Para os amantes da cultura viking, há uma passeio por um lago, onde é possível fazer uma refeição a bordo de um barco temático.

O parque fica aberto durante três períodos por ano. De abril a setembro, a temporada de verão está aberta na Dinamarca e é o principal período em que o parque funciona. Entre outubro e novembro, o Tivoli se transforma em uma festa de Halloween, com diversas atrações específicas com o tema. E no meio de novembro até início de Janeiro, onde outro tema, de natal, toma conta do parque com shows de fogos de artifícios nos finais dos dias.

Dinamarca e os parques mais antigos do mundo

Post navigation


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>